Morre Aluísio Canhoto

Recebí agora há pouco a triste notícia do falecimento do velho bandolinista maranhense Aluísio Canhoto. Natural de Araioses, Aluísio era presença costumeira em algumas das rodas de choro mais informais de São Luís.

Lembro do velho Aluísio de umas rodas de boemia que aconteciam aos sábados nos bairros do Vinhais e Bequimão. A do Vinhais acontecia alí por trás da Curva do Vento. Começava bem cedo da tarde. Lá se tocava e cantava de tudo. A do Bequimão acontecia um pouco mais tarde no Bar do S. Manoel, pra onde todos se dirigiam após o encontro do Vinhais que acabava sempre por volta das 18 horas.

Nessas rodas, algumas presenças eram assíduas e marcantes. Aluísio, com seu bandolim tocado solto, lembrava um pouco o estilo de Luperce Miranda, era sempre uma presença marcante. Junto com o velho Aluísio estavam sempre nomes como Agnaldo 7 Cordas, acho que seu mais fiel parceiro, o velho Ataíde, o amigo Sena do afoxé, João Evangelista e tantos outros músicos e boêmios de final de semana.

Outro momento importante que vivenciei com Aluísio Canhoto, foi uma tocata na Casa do Six, há uns dez anos, alí na Rua Santo Antônio, em frente ao antigo prédio da Escola de música do Maranhão. Foi um dia inteiro de muito choro, comida, confraternização, bem ao estilo do velho Six. Estavam presentes, além do Six e do Aluísio, nomes Edson 7 Cordas, integrante do grupo Os Ingênuos, da Bahia, o Mario Pereira, grande saxofonista capixaba radicado no Rio, Jorge Cardoso, na época morando em São Luís, hoje um dos maiores bandolinistas do País, além de Juca do Cavaco, Agnaldo, Sena do Afoxé, Solano, Paulo Trabulsi, este humilde blogueiro e tantos outros amigos do Six.

Mas Aluísio, ao lado dos seus fiéis amigos Sena, Zequinha do Sax, Agnaldo 7 Cordas e outros chorões, continuava a fazer suas rodas de choro de caráter mais informal, livre e aberta. Tenho notícia de que estavam se reunindo ainda todos os sábados em um novo barzinho por trás da Igreja do Bequimão.

Ontem mesmo, no Chorinhos e Chorões, fazia menção, no quadro Alô Chorão, ao trio de amigos, Aluísio Canhoto, Sena e Agnaldo 7 Cordas.

O velho Aluísio, com seus 72, partiu. Foi tocar Choro ao lado de Vieira, Capitão Nuna, Zé Hemetério, Lopes Bogéa e outros que foram antes.

Segue em paz velho Canhoto.

Anúncios

2 Respostas para “Morre Aluísio Canhoto

  1. já vai descumprir a promessa hoje mesmo?, risos… escrevi sobre ontem. abração!

  2. pois é zema,
    passei dia cuidando de 2 meninos perautas, aliás ainda estou.
    depois me recupero
    abração, vou ler o teu post agora.
    abração

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s