Urubu Malandro e Milla Camões – outra grande pedida no Clube do Choro


foto: Pedro Araújo

O projeto Clube do Choro Recebe tem sido, há quase dois anos, um espaço privilegiado de vivências e encontros musicais extraordinário. A cada sábado um grupo de Choro diferente recebe um nome deste mosaico musicultural que é o Maranhão. Sem abrir mão de acolher nomes também de outras praças, como já ocorreu com instrumentistas e cantores do Piauí, do Ceará, de Brasília, do Pará e de outras partes do Brasil e do mundo.

O certo é que esta movimentação, em torno do Choro em São Luís, tem provocado inquietações, trocas, influências, reflexões e tem até suscitado novas experiências estéticas na nossa produção musical. O que logo será bem perceptível aos ouvidos mais atentos e sensíveis musicalmente. Isso só pra falar dos aspectos artísticos e estéticos.

Mas outros resultados também já podem ser mensurados e percebidos no campo da economia do Choro e da música de modo geral. O Choro do Maranhão ganhou maior visibilidade interna e externamente. Hoje todas as praças chorísticas do Brasil sabem que no Maranhão tem um movimento de Choro respeitável e com uma cara própria. Em São Luís o mercado para a música instrumental cresceu significativamente a partir dessa movimentação do projeto Clube do Choro Recebe. Temos opções de choro na capital quase todos os dias da semana.

É inegável que o formato do projeto inspirou outras iniciativas. E era isso que se queria. Ver o choro, a música instrumental acontecer. Os nossos grandes instrumentistas sendo protagonistas da nossa cena musical, ao invés de meros acompanhadores de cantores. Hoje os nomes dos caras já são citados como nossas estrelas em seus instrumentos. E isso é bom. Outros nomes ainda vão surgir.

O elo que falta para esse projeto é unir tudo isso com a formação. Sem a formação não há aprimoramento, não há continuidade da história e da cidadania. Esse é um desafio que todos temos. Precisamos pensar juntos como superá-lo.

Vejamos pois o que o jornalista Zema Ribeiro anda anunciando para o próximo sábado, dia 18/07, no Clube do Choro. Por certo, outro belo encontro, que possibilitará novas trocas e um lindo espetáculo de música brasileira do Maranhão:

AS VOLTAS DO URUBU MALANDRO E MILLA CAMÕES

Urubu Malandro volta ao palco do Clube do Choro Recebe. Grupo será anfitrião da cantora Milla Camões.

O grupo Urubu Malandro volta a se apresentar no Clube do Choro Recebe (Restaurante Chico Canhoto, Residencial São Domingos, Cohama), neste sábado (18), a partir das 19h30min. Depois do falecimento de Mestre Antonio Vieira, em abril passado, o grupo formado por Arlindo Carvalho (percussão), Caio Carvalho (percussão), Domingos Santos (violão sete cordas), João Neto (flauta), Juca do Cavaco e Osmar do Trombone fez uma única apresentação: um tributo ao compositor de Cocada, no mesmo palco, dia 9 de maio, quando Vieira completaria 89 anos.

Desta vez a trupe de bambas terá como convidada a cantora Milla Camões, que está em estúdio, finalizando seu disco de estreia, sob a direção musical de Celson Mendes (Quinteto Bom Tom). O lançamento está previsto para acontecer ainda em 2009. No início do mês, Milla realizou o show A caminho (Zig Bar, 4/7), celebrando seus dez anos de carreira.

Sua apresentação anterior no Clube do Choro Recebe já tem mais de um ano. Agora ela volta, acompanhada por outro grupo: “É a primeira vez que canto acompanhada pelo Urubu Malandro. Em homenagem a Seu Vieira vamos fazer Na cabecinha da Dora”, promete Milla Camões, que adianta, ainda, sobre o show, que fará “dois choros clássicos e um repertório mais voltado ao samba e à MPB, como chamam por aí, com canções de Rosa Passos e Caetano Veloso, além de sambistas consagrados como Paulinho da Viola”. Sobre o restante do repertório, ela prefere guardar segredo. E arremata: “espero de coração que saia bem legal e que todos gostem”.

O projeto Clube do Choro Recebe tem apoio cultural de TVN São Luís, Energético Hiro, Honda Gran Line, Rádio Universidade FM e parceria de JL Studios e Solar Consultoria.

SERVIÇO

O quê: Projeto Clube do Choro Recebe – 86ª. edição.
Quem: o grupo Urubu Malandro recebe a cantora Milla Camões.
Quando: dia 18 de julho (sábado), às 19h30min.
Onde: Restaurante Chico Canhoto (Residencial São Domingos, Cohama).
Quanto: R$ 8,00 (entrada).
Maiores informações: pelo telefone [98] 3252-1219 e/ou e-mails ricochoro@hotmail.com, chicocanhoto@ymail.com e/ou clubedochorodomaranhao@gmail.com
Apoio Cultural: TVN São Luís, Energético Hiro, Honda Gran Line, Rádio Universidade FM.
Parceria: JL Studios e Solar Consultoria.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s